Notícias

Plano Safra 2020/2021 contará com R$ 236,3 bilhões contemplando ampliação para Linha ABC

Publicado por Arefloresta em 17/06/2020 às 19:06

 
 Ministra da Agricultura, Teresa Cristina da Costa Dias, durante o lançamento do Plano Safra 2020/2021

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Tereza Cristina, apresentou o Plano Safra 2020/2021 nesta quarta-feira (17) no Palácio do Planalto. O presidente Jair Bolsonaro, o secretário de Política Agrícola, Eduardo Sampaio Marques, e o  diretor do Departamento de Financiamento e Informação, Wilson Vas de Araújo, também participam do evento.  

O Plano Safra 2020/2021 contará com R$ 236,3 bilhões para apoiar a produção agropecuária nacional, um aumento de R$ 13,5 bilhões em relação ao plano anterior. 

Os pequenos produtores rurais terão R$ 33 bilhões para financiamento pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), com juros de 2,75% e 4% ao ano, para custeio e comercialização.

Crédito para investimento

Confira os recursos e taxas de juros das principais linhas de investimento:

  • Moderfrota

Recursos: R$ 6,5 bilhões

Taxas de juros: 7,5%

  • Programa ABC

Recursos: R$ 2,5 bilhões

Taxas de juros: 4,5% a 6%

  • PCA 

Recursos: R$ 1,82 bilhão

Taxas de juros: 5% a 6%

  • Inovagro

Recursos: R$ 1,5 bilhão

Taxas de juros: 6%

  • Pronamp

Recursos: R$ 2,72 bilhões

Taxas de juros: 6%

  • Moderinfra 

Recursos: R$ 0,73 bilhão

Taxas de juros: 6%

  • Moderagro

Recursos: R$ 1,2 bilhão

Taxas de juros: 6%

  • Prodecoop

Recursos: R$ 1,29 bilhão

Taxas de juros: 7%




O Plano Safra destaca linhas de crédito que contribuem para a sustentabilidade da agricultura. O Programa para Redução de Emissão de Gases de Efeito Estufa na Agricultura (Programa ABC), que é a principal linha para financiamento de técnicas sustentáveis, terá R$ 2,5 bilhões em recursos com taxa de juros de 6% ao ano, uma ampliação de R$ 400 milhões. Na safra 2020-2021, os produtores terão acesso à linha ABC Ambiental, com recursos para restauração florestal, voltada para contribuir com a adequação das propriedades rurais ao Código Florestal. A taxa de juros é de 4,5% ao ano.


Confira, na íntegra, a apresentação do governo do novo Plano Safra:
https://youtu.be/T73yjZGuLzw

 

Fonte: Canal Rural: (Link)

Endereço:

R. Eng. Edgard Prado Arze, Qd. 1, Setor A, s/n
Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT
78050-970 (em frente ao prédio da FAMATO)

Telefone:

e-box - Sitevip Internet Sitevip Internet